segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

"Tô de olho" - Bola fora no fashion Rio

Resolvi comentar de um reporter que tem aparecido nos sites relacionados ao fashion Rio e que por razões óbvias chamou a atenção das pessoas no Píer. Trata-se da figura do jornalista Tiago Lucas que anda exibindo seus looks caricatos e digamos exibixionistas pelos corredores do FR.

Que fique claro, não tenho nada contra a pessoa e nem de seu trabalho, que acho muito importante e simpático. O que me chama a atenção são suas roupas , acho impróprias e cheias de trejeitos. Por essa e por outras que muitas vezes a moda masculina é chamada de "coisa de gay". As roupas podem ter muitos significados e a interpretação pode ser desastrosa em certos casos. Estamos aqui para tentat tornar a moda masculina mais acessível e sem esteriótipos.

6 comentários:

Andrézinho disse...

Ele conseguiu o que desejava: holofotes! hehe Não é o que 99,9% das pessoas que trabalham com moda querem? :)

marcos disse...

Essa figura e ridicula, se ele queria holofotes, teve.

Marcelo disse...

esta figura não vale nem o post!

José Carlos Angelo disse...

Concordo plenamente com você! Algumas pessoas como ele acabam acabam vulgarizando a própria imagem para chamar a atenção e principalmente acabam vulgarizando a imagem de outros profissionais de Moda.

Anônimo disse...

Se quer chamar atenção, faça isso naturalmente.

Ant. disse...

Achei um pouco precipitada a sua opinião quando diz: 'Por essa e por outras que muitas vezes a moda masculina é chamada de "coisa de gay"'
A moda masculina é importante para todos os homens, indiferente de sua sexualidade. E não são os trajes que podem ser exagerados ou curtos que dirão algo sobre a sexualidade de cada um. Mesmo porque este rótulo de roupas específicas para homossexuais, já está um tanto quanto ultrapassada.
E mesmo que a moda masculina fosse mesmo vista como "coisa de gay" nada poderiamos falar, visto que grandes vitórias e inspirações estão baseados nos mesmos.
Se a tentativa do blog é criar uma moda mais acessível e com menos esteriótipos, então acho que pecou ao dizer que tal roupa são roupas gays, esse é um dos famosos esteriótipos da moda.